Etiquetas

,


Por Jorge Pessoa e Silva
As centenas de angolanos que estão no Campo Pequeno, em Lisboa, a acompanhar a Supertaça Compal de basquetebol, estão em delírio com a presença de… Miguel Lutonda. 

O veterano jogador do 1.º de Agosto continua a ser aos 39 anos um jogador de enorme qualidade, com um currículo de troféus nos militares e na Selecção verdadeiramente invejável.

«General, general», cantou-se muitas vezes nas bancadas durante o jogo com o Benfica. E o general, como é respeitosamente tratado, respondia com jogadas de enorme qualidade.

No final, foi literalmente engolido em delírio por dezenas de jovens angolanos e revelou uma simpatia e paciência sem limites, gastando largos minutos para ser fotografado com todos.

«Sinto o carinho dos angolanos. É um reconhecimento, mas também uma responsabilidade. E aproveito sempre para dizer aos mais jovens que se cheguei a este patamar foi por ser profissional, dedicado, levar uma vida regrada e dizer não a todos os vícios que dão cabo da nossa saúde e até da nossa vida», disse a A BOLA.