Tags

, , , , , , ,


GOSTO FAÇA A NOSSA PÁGINA CRESCER NO FACEBOOK, EM BAIXO

Banga – Quinze técnicos afectos ao sector da saúde no município da Banga, província do Kwanza Norte, concluíram uma acção formativa em matéria de tratamento de casos de malária com recurso a novos fármacos recentemente introduzidos no território nacional.
Decorrida em cinco dias, a referida formação visou potenciar os técnicos de saúde do município com os novos métodos de diagnóstico e tratamento da malária por via da administração de um novo fármaco recentemente introduzido no país, cujo manejo apresenta algumas complexidades.
Em declarações à Angop no final do evento, o oficial das Nações Unidas para o programa de combate à malária na província do Kwanza Norte, Manuel Esteves, esclareceu que a formação visou capacitar e treinar os técnicos de saúde da Banga, habilitando-os ao uso adequado dos novos fármacos de combate a malária (ASAQ e Duocotixim) a serem usados no país e que, apesar da sua eficiência no tratamento da doença, apresenta algumas complexidades na forma de manejo.
Manuel Esteves chamou a atenção dos técnicos de saúde para a cautela na prescrição e uso dos referidos fármacos, aplicando de forma rigorosa os conhecimentos ministrados durante o seminário a que foram submetidos durante cinco dias.
O responsável disse que a par da formação dos profissionais de saúde, a direcção da Saúde no Kwanza Norte continua empenhada na adopção de medidas ligadas a elevação da consciência dos cidadãos sobre o métodos a adoptar para a prevenção e combate da malária, considerada uma das principais causas de morte na província e no país em geral.
Angop



Bruno Space Painel de Debates



Bruno Space Painel de Debates