Etiquetas

, , , , , , , , ,


PILOTO ITALIANO PONDERA SOBRE O FUTURO

Autor: JOSÉ MANUEL PAULINO

Fotos: EPA

Rossi quer quebrar hegemonia espanhola.

Com 9 títulos de campeão do Mundo de motociclismo, sete dos quais na categoria principal (MotoGP) – apenas Giacomo Agostini, com 8, venceu mais –, Valentino Rossi está habituado a ganhar. E é assim que quer continuar. Mas este espírito de conquista tem sofridos alguns abalos, com Il Dottore a ficar, ano após ano, longe das grandes decisões – 7.º em 2011, 6.º em 2012, 4.º em 2013 e apenas uma vitória nas últimas 3 épocas. Resultados dececionantes que levam mesmo o piloto italiano a repensar a carreira.
“Se estou aqui [em MotoGP] e quero continuar a correr ao mais alto nível, terei de manter-me nos lugares da frente em 2014, mais próximo dos três primeiros”, disse, em entrevista ao canal televisivo “Italia 1”, o transalpino de 34 anos, que na época passada deixou a Ducati para regressar à Yamaha na esperança de repetir os grandes triunfos – foi aos comandos de uma moto da marca japonesa que conquistou quatro dos seus títulos –, mas que acabou por terminar o Mundial no 4.º lugar… a 97 pontos do campeão, o espanhol Marc Márquez, e atrás de dois outros pilotos do país vizinho: Jorge Lorenzo e Dani Pedrosa.
E é precisamente este domínio espanhol que Valentino Rossi quer quebrar. “O período de fevereiro e junho do próximo ano, em que terão lugar as provas de pré-temporada e as primeiras seis corridas do campeonato, será crucial para decidir se continuarei em MotoGP ou se irei retirar-me no final da época [de 2014]. Gostaria muito de prosseguir a carreira durante mais alguns anos, mas apenas admito fazê-lo se for competitivo”, assegura VR46.
Burgess sem explicações
Rossi anunciou, no último Grande Prémio desta época, em Valência, que prescindia de Jeremy Burgess, chefe dos mecânicos do piloto italiano durante 14 anos. A decisão causou polémica, mas continua sem merecer grandes comentários por parte de Il Dottore.
“Explicar agora muitos dos detalhes do que estava mal entre nós poderia ser um problema. Por isso, o melhor é que todos pensem que se trata de uma birra do piloto…”, referiu Valentino Rossi.

Record

Últimas Notícias

Mexès quis bronzear-se e lesionou-se num olho
Grupo D: Man. City venceu V. Plzen (4-2)
Benfica vence Anderlecht (3-2) e mantém-se na corrida pelos oitavos de final
Grupo B: Juventus vence Copenhaga (3-1) com `hat trick` de Vidal
Grupo B: Real Madrid só precisa de dez jogadores para golear o Galatasaray (4-1)
Detenções por manipulação de resultados
«Não preciso da Bola de Ouro para saber que sou o melhor» – Ibrahimovic
Messi x Cristiano Ronaldo em 2013. Levantamento estatístico
Messi, Ronaldo e Neymar são os mais valiosos do Mundial2014
Milhares de Cristianos Ronaldos nas bancadas do Santiago Bernabéu
Cristiano Ronaldo é capa na última edição da revista FIFA
Fifa concorre a prêmio de “pior corporação do mundo”
URGENTE!. PROCURA-SE. TAIRES CASTANHEIRA
 

Bruno Space Painel de Debates

Bruno Space Painel de Debates