Tags

, , ,


Bruno Space Painel de Debates

Por Redação

Um afro-americano chamado Webster Lucas vai processar a cadeia de restaurantes de comida rápida, ´McDonald’s´, pedindo nada mais, nada menos, do que uma indemnização de um milhão e meio de dólares. Na base do acontecimento, está a recusa de um funcionário em dar-lhe mais guardanapos, noticiou o jornal ´The Independent´.
O indíviduo alega que está «impossibilitado de trabalhar» devido a «transtornos emocionais» provocados pelo incidente, registado no dia 29 de janeiro, em Pacoima, Los Angeles, nos Estados Unidos.

Webster Lucas disse ainda que o trabalhador que o atendeu, de origem mexicana, agiu de forma racista, proferindo algo como «esta gente». Após o incidente, terá enviado logo um e-mail à McDonald’s a explicar que tinha ficado com uma grande angústia mental.

Segundo o site TMZ, a McDonald’s terá oferecido a Lucas hambúrgueres grátis, mas este decidiu manter a decisão e avançar mesmo para tribunal.

Saiba tudo sobre ANGOLA

Clica aqui Últimas Notícias