Tags

, ,


Bruno Space Painel de Debates

A estilista baiana foi a responsável por abrir o segundo dia de desfiles do Dragão Fashion Brasil

A baiana Carol Barreto abriu o segundo dia de desfiles do Dragão Fashion Brasil, semana de moda cearense, nesta quinta-feira (24). O minimalismo das peças traduziu a coleção batizada Fluxus V15, um projeto inspirado no movimento da diáspora africana e que se propõe a provocar os valores sociais da atualidade.

A estilista abriu o desfile com tons de preto em vestidos de corte reto e feitos de tecidos firmes e com pequena aplicação de brilho. Em seguida, o roxo ganhou a passarela, seguido pelo branco e areia e terminou em azul turquesa. A coleção era baseada em peças amplas, mas estruturadas. Barras assimétricas apareceram em blusas e vestidos. Para as calças, o modelo flare ganhou destaque.

A trama em estilo amarração de corda, que apareceu em várias peças e em cores diferentes, chamou a atenção assim como um vestido areia coberto de pequenas conchas do mar na parte da frente. O brilho merece destaque na coleção, mas foi ganhando espaço aos poucos. Nas primeiras peças, apareceu em pequenas e delicadas aplicações de paetês em tules e nas barras das calças, depois passou a fazer parte discretamente das tramas e, por fim, fechou o desfile sendo protagonista em dois vestidos totamente feitos de paetês acobreados.

A referência ao continente africano foi vista mais explicitamente na cabeça das modelos, que usaram cones, simbolizando um penteado tradicional da região, e em colares longos característicos, mostrados tanto em cobre como em combinações de várias cores. A maquilhagem era focada nos olhos com sombra azul marcada.

Terra

Saiba tudo sobre ANGOLA

Clica aqui Últimas Notícias